Rede Brasileira de Consultores

Empresas usam lista de devedores ao Estado para não contratar

O alerta é da Deco e os mais atingidos estão a ser os desempregados de longa duração. A lista de devedores ao Estado tem cerca de 200 mil nomes.

Há empresas que estão a usar a lista pública de devedores ao Estado para não contratarem as pessoas. Os desempregados de longa duração são os mais afectados.

A denúncia é da Deco, que revela que há cada vez mais pessoas a queixarem-se de que lhes está a ser negado trabalho por deverem dinheiro ao Estado.

Natália Nunes, responsável pelo gabinete de apoio ao sobreendividado da Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, alerta para as consequências colaterais que a lista de devedores está a ter. As empresas que mais usam são as de recrutamento temporário.

“É uma consequência que a lista está a ter. Ela é completamente pública. Esta lista está a ser usada para outros fins e que em alguns casos promovem a exclusão”, revela Natália Nunes à Renascença.

Segundo o "Jornal de Notícias", que revelou a notícia esta quinta-feira, já há 213.254 registos para uma dívida total reclamada de 3,8 mil milhões de euros.

O mesmo jornal diz que a Lista Pública de Execuções (LPE), sob a esfera do Ministério da Justiça (MJ), "não pára de engrossar de ano para ano".

Exibições: 12

Comentar

Você precisa ser um membro de Rede Brasileira de Consultores para adicionar comentários!

Entrar em Rede Brasileira de Consultores

Badge

Carregando...

Benchmarks Institucionais - Links de Interesse

Documento sem título

1. IMC USA: http://www.imcusa.org

2. Association of Management Consulting Firms: http://amcf.org

3. Management Consultancies Association: http://www.mca.org.uk/about-us

4. PATCA: http://www.patca.org/index.cfm

5. Certified Management Consultant Canada: http://www.cmc-canada.ca

6. International Association of Professional Business Consultants : http://www.iapo.net/consultants.html

© 2020   Criado por Grupo ECC.   Ativado por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço